Engajamento dos colaboradores: como medir na sua empresa

Humanus

engajamento dos colaboradores

Um dos fatores chave para o sucesso de uma empresa é o engajamento de seus colaboradores. Esse índice é obtido a partir de uma série de aspectos que contribuem para que a empresa tenha certeza do quão engajados estão seus colaboradores. Caso o engajamento esteja baixo, é preciso ter atenção e mudar algumas práticas internas dentro do negócio.

Muitas vezes as características da própria empresa influenciam o nível de engajamento, não sendo responsabilidade única do funcionário estar sempre altamente engajado. Assim, ao término da análise do índice de engajamento, é preciso ter em mente que será preciso um esforço conjunto caso ele esteja em baixa.

A primeira parte desta questão é a obtenção dos dados necessários. Para isso, criamos um post completo com tudo que você precisa saber sobre a importância do engajamento e as principais formas de realizar essa medição. Acompanhe!

Principais formas de realizar a medição do engajamento dos colaboradores

Existem diversas maneiras de medir o engajamento dos colaboradores de uma empresa. No entanto, apenas uma dessas formas não é suficientemente eficaz. É necessário que as maneiras de medição ensinadas aqui sejam complementares umas das outras, de modo que você consiga aplicar tudo e obter os resultados mais acertados.

Engajamento dos colaboradores: pesquisa de opinião

Muitas empresas apostam em fazer pesquisas de opinião regulares. No segmento empresarial, essas pesquisas podem ter o nome de Pesquisa de Clima Organizacional e funcionam como um termômetro de satisfação para a empresa. 

São realizados diversos tipos de questionamentos, os quais permitem que a empresa saiba o que os colaboradores estão achando de questões variadas. Estas podem estar relacionadas a cultura da empresa, ao método de trabalho, a forma como funciona o dia a dia do negócio, a satisfação com os líderes, a valorização do profissional, entre outros.

Essas perguntas têm natureza anônima na maioria das vezes, de modo que o colaborador possa responder livremente qualquer questionamento, sem que passe por algum tipo de constrangimento depois. Isso facilita muito na obtenção da veracidade das respostas, já que não há risco de demissão por fazer críticas sobre a forma de trabalho do gestor, por exemplo.

Em relação às principais perguntas que podem ser feitas na Pesquisa de Clima Organizacional, as que mais se destacam, são:

  • Qual a melhor característica da empresa?
  • Você concorda com os valores da empresa?
  • Acredita que a cultura adotada pela empresa é a correta?
  • O que você gostaria de mudar na empresa?
  • Atualmente, você se sente confortável e satisfeito com seus líderes?
  • Qual o seu papel para o crescimento do negócio?
  • Avalia que o seu conhecimento é bem aproveitado?
  • Como você acha que a empresa avalia o seu desempenho e a sua importância para o negócio?

Todas essas perguntas, quando respondidas com sinceridade, fazem com que o profissional fique em uma situação de maior transparência com a empresa. No entanto, é preciso lembrar que respostas honestas em questionários não anônimos são bem mais difíceis, de modo que isso pode prejudicar na obtenção do índice real de engajamento.

Produtividade

Além da pesquisa, você também pode avaliar dados técnicos quando se trata da medição do engajamento dos colaboradores. Para que esses dados sejam avaliados, será preciso que você conte com uma boa ferramenta de gestão empresarial, que possa dimensionar a produtividade e demonstrar critérios como aumento, queda, período, entre outros critérios de produtividade.

Como dito anteriormente, somente a análise de um dos fatores de medicação não é o suficiente para medir o engajamento de maneira correta. Se você analisar somente os índices de produtividade, por exemplo, não terá a mínima noção do engajamento da empresa, pois esse índice pode estar alto ou baixo por diversos outros motivos.

Assim, o ideal é que a análise da produtividade aconteça em conjunto com a Pesquisa de Clima Organizacional, bem como com outras técnicas de medição de engajamento de colaboradores.

Índices gerais dos colaboradores

Essa análise é um pouco mais complexa, pois ela deve considerar muitos fatores. O ideal é que você não se fixe em apenas um colaborador quando for analisar os dados mencionados aqui. Isso acontece, porque cada funcionário é único e passa por situações diferentes durante a sua vida na empresa.

Dessa forma, avalie o conjunto de colaboradores como um todo, e não de maneira restrita. Dito isso, você pode avaliar índices gerais relacionados a faltas justificadas ou não justificadas no trabalho, atrasos recorrentes, reclamações de clientes, entre outros. Todos esses fatores podem indicar um baixo engajamento dos colaboradores.

Conversa amigável

Uma conversa em tom amigável com os funcionários pode tornar a vida da empresa muito mais fácil. Se os colaboradores sentirem que estão em um espaço de fala seguro e acolhedor, certamente vão se sentir mais confortáveis para falar sobre os problemas que causam um baixo engajamento na equipe, por exemplo. Por isso, invista na comunicação!

A importância de medir o engajamento

A importância do engajamento reside no fato de que profissionais engajados trabalham de uma maneira muito mais feliz e satisfeita do que colaboradores que não estão engajados com a cultura, os valores e a forma geral de trabalho realizado na empresa. 

É importante mencionar também que a aferição do engajamento faz com que a empresa se utilize de técnicas para melhorar essa questão dentro do empreendimento. O resultado disso são colaboradores mais focados e mais produtivos. Como consequência da alta produtividade, o faturamento aumenta e todos saem ganhando.

Assim, o aspecto da medição do engajamento é o primeiro passo para que a empresa funcione de uma maneira muito melhor. Funcionários satisfeitos trabalham de maneira eficiente e ajudam a empresa a crescer cada vez mais, de modo que suas vagas de trabalho estejam mais seguras e seus salários também.

Considerações finais

Para que uma empresa cresça de maneira sólida e eficaz, é essencial que com alguma frequência ela realize ações para medir o engajamento dos colaboradores. Isso permite que os índices sejam avaliados como um todo, valorizando a opinião da equipe e buscando cada vez mais maneiras de resolver questões pendentes e insatisfações que podem atrapalhar o dia a dia dos profissionais.

Confira também o nosso artigo sobre tendências de RH para 2021!

Posts Relacionados

Como melhorar a comunicação e motivação do time remoto?

Cultura organizacional: por que é importante conhecer este conceito?

Home office: dicas para transformar sua casa na melhor estação de trabalho

Motivação de equipe: dicas do que fazer para manter os colaboradores produtivos e felizes

Comentários